Porque fazer humor e podcast é uma arte
































Galinhas Mortas



Por Eubalena - 19 de abril de 2011. Categorias: Cantinho das Monas.

Se existe uma coisa que acaba comigo é gente sonsa. Daquele tipo de pessoa que se faz de galinha morta para passear de Kombi. E o pior é que esse tipo de gente é como praga, se espalha por todos os cantos.

Nunca sabem nada, nunca viram nada… A vida passa para elas como num parque de diversões.

E sabe o que é mais irritante? A capacidade de fingir que nada é com elas. Se alguma coisa não é bem aquilo que se espera, é simplesmente ignorada como se nunca tivesse ocorrido.

Pessoas que dão o tapa e escondem a mão, falam e depois juram que não foi bem assim. Que sempre dão um jeito de tirar o corpo fora e jogar o outro na fogueira. Isso cansa!

É impossível ter um relacionamento, tanto de trabalho como de amizade, com um ser sonso. Uma vez trabalhei com uma menina assim. Ela era linda (do tipo contratada para decorar a sala do diretor) e sonsa. O que a deixava duas vezes mais perigosa. E usava sua sonsice como charme. Era complicado, muito complicado.

No mundo das redes sociais as pessoas sonsas agem livremente. Alfinetadas, indiretas, ameaça de choro, pedido de apoio em massa. Todas essas são técnicas utilizadas pelas sonsas que claro, como sonsas que são, juram que os outros é que fazem isso contra sua pessoa tão indefesa. E como gente sonsa tem amigos. Gente sonsa adora uma “panelinha”, mas como não consegue olhar seu próprio rabinho, acusa quaisquer mais de 2 pessoas que falarem contra sua opinião de membros de uma panela demoníaca que passam a vida a perseguindo e tentando tirar sua credibilidade nos meios sociais onde posta.

Gente sonsa merecia era um tanque de roupa suja, daquelas bem encardidas, para lavar todos os dias!

Euba

Veja também:

6 Comentários to Galinhas Mortas

  1. Daigo

    ô se conheço gente assim….

    teve uma vez que uma guria inventou umas histórias por causa de ciuminho babaca de coisas fúteis que não dão futuro, direcionadas a uma pessoa em especial. Dai inventou toda uma encenação, com direito a falas e misé-en-scène. Só sei que tal mentira se expandiu que ela conseguiu envolver até pessoas que nem vivas estão mais e ao ver seu mundo cair, se fez de vítima pros outros, aumentando cada vez mais a história.

    A essas pessoas, eu só tenho pena, sério mesmo. Quem faz isso não é uma pessoa feliz. O foda é que a felicidade alheia as incomoda e é aí que nos atinge.

    A regra é simples: sempre tem um babaca.

    [Responder]

    Fabiano Loureiro Resposta:

    @Daigo, nossa, o q mais tem no meu trampo é gente assim, que nunca assume seus erros, e tenta passar pra frente as cagadas que faz, ou por omissão ou por incompetencia.
    tem dias que eu tenho que sair de perto, pq da vontade de bater hahahah

    [Responder]

  2. DJ Clayton

    Odeio pessoas assim também, e trabalhando na noite é o que mais a gente encontra por aí.

    [Responder]

  3. Lili

    E viva a diplomacia social! É a desculpa cravada das sonsas para sempre estar bem com todos. Eu sou daquelas que mata a cobra e mostra o pau e o povo ao lado fica tudo com cara de paisagem, em cima do muro….ODEIO isso! Nunca viram nada>.. como se fossem testemunhas de um crime… mas tudo bem… pra esse povo, o castigo vem de jegue. hehehe

    [Responder]

  4. Aline

    hahahaha! Nas redes sociais é o que mais se vê!!! hahaha

    [Responder]

  5. Carlos

    Mas que MAL HUMOR…

    [Responder]

Deixe seu comentário:





Busca

© 2007-2016 Monalisa de Pijamas - Todos os direitos reservados. Contato: mafalda [arroba] monalisadepijamas.com.br