Porque fazer humor e podcast é uma arte

































OMG cat !!!


Autor: Mafalda ~ 5 de novembro de 2010. Categorias: animais.

Ri muito com o vídeo deste felino! :D

bjs,
Mafalda


Os Gatos Possuídos


Autor: Mafalda ~ 12 de janeiro de 2010. Categorias: animais.

Vídeo do site Today`s Big Thing

O que será que deram para os bichanos?


Susto


Autor: Rachel Barbosa ~ 16 de novembro de 2009. Categorias: animais.

Minha casa parece um hospital veterinário. Primeiro foi uma luta que durou semanas pra curar o Galileu de uma nefrite. Ultimamente, minha gata Annita me pregou umas peças.

Annita

Cheguei em casa por volta de 23 horas numa 6ª feira, há umas duas semanas, e encontrei sangue nas cadeiras da sala. Levei um tremendo susto e comecei a procurar a origem, quando vi que minha gata estava com o traseiro sujo. Corri para o veterinário apenas para descobrir que o problema era prisão de ventre. Sim, prisão de ventre, e por consequencia hemorróida.

Aí no domingo passado, quando fazia um calor do Saara, Annita veio andando da cozinha, tentou subir em uma das cadeiras da sala e não conseguiu. Foi caminhando de volta quando cambaleou e caiu. Corri apavorada, chamei meu marido pra ajudar, afastei os cães, que se aproximaram curiosos. Sem saber o que fazer, liguei para o celular do veterinário, que estava fora de área. Meu marido, mais calmo, sugeriu que poderia ser efeito do calor, mas eu já estava certa que minha gata de 16 anos estava à beira da morte. Coloquei-a na poltrona da sala e aos poucos ela foi melhorando, até que levantou e foi comer.

Não convencida de que ela estava bem, no dia seguinte fomos para a clínica. O veterinário examinou, apertou, apalpou. No final disse que ela está ótima, que nem parece ter a idade que tem, mas que faria um exame de sangue para ter certeza. No dia seguinte, adivinhem qual foi o resultado? Exames todos normais. O diagnóstico? O calor causou o mau estar.

Essa bicha vai é me matar de susto uma hora dessas!

Rachel Barbosa
http://rachelbarbosa.com.br


DR Miau! Discutindo a Relação Felina


Autor: Mafalda ~ 2 de outubro de 2009. Categorias: animais.

Eu adoro estes vídeos legendados e este aqui está muito divertido! Sem contar que gatos são legais! OK, cachorros são legais também, mas acho que os gatos fazem mais “mimimi”. :D

Beijos,
Mafalda


Cruzar ou não cruzar, eis a questão


Autor: Rachel Barbosa ~ 12 de agosto de 2009. Categorias: animais.

//www.flickr.com/people/tainara/

Foto: Tainara http://www.flickr.com/people/tainara/

Esta semana assisti no canal a cabo Animal Planet, o documentário Segredos do Pedigree. O programa falou sobre doenças caninas que têm origem genética e são exacerbados pelos cruzamentos consangüíneos e pela falta de critérios éticos nos cruzamentos. Esta semana, também, a cadelinha de uma das minhas funcionárias, enfrentou sérios problemas de saúde decorrentes de uma gravidez mal sucedida e quase morreu. Em um fórum que participo, algumas pessoas estão discutindo os problemas comportamentais decorrentes de cruzamentos mal selecionados. Por tudo isso, resolvi escrever sobre cruzar ou não cruzar o seu cachorrinho.

Essa questão não deve ser pensada apenas por criadores, donos de canis. Você, que tem um cãozinho ou gatinho de estimação em casa, também deve pensar no assunto. Muitas pessoas que têm bichinhos gostariam de vê-los ter filhotes. Outras pessoas acham que essa é a ordem natural das coisas. Não é bem assim.

Em primeiro lugar é preciso pensar nos filhotes que virão após a cruza. Nem sempre é fácil conseguir bons lares para os bichinhos. Eu, por exemplo, ganhei o Galileu, meu poodle, porque a pessoa que havia dito querer o filhote, desistiu na última hora. Tem muita gente que, empolgada, pega o bicho e depois se arrepende. Os abrigos estão cheios de animais abandonados pelos donos pelos mais variados motivos. Outra possibilidade é que o dono fique com pena de doar os filhotes e acabe ficando com todos. Com cães ou gatos demais em casa, os animais podem perder qualidade de vida.

Em seguida é preciso pensar na saúde dos pais e dos filhotes. Muita gente não sabe que machos e fêmeas só devem cruzar depois de completarem 18 meses de idade. Antes disso os corpos não estão completamente amadurecidos. A fêmea pode ter problemas de saúde com a gestação e tem mais facilidade de abortar. O macho freqüentemente sofre fratura no pênis quando cruza com menos de 18 meses. Infelizmente, donos que não sabem disso colocam fêmeas para cruzarem logo no primeiro cio.

Ainda é preciso avaliar a saúde dos pais para que os filhotes tenham mais chances de nascerem saudáveis. Se os pais tiverem problemas que possam ser transmitidos hereditariamente, a chance que os filhotes tenham os mesmos problemas é grande. São doenças como displasia (encaixe defeituoso entre a cabeça do fêmur e o osso pélvico), epilepsia, doenças cardíacas, etc. O que torna a avaliação mais difícil é que muitas dessas doenças não dão sinais nos primeiros anos de vida do animal. Se você realmente pensa em cruzar seu bichinho, faça uma avaliação dos pais com o veterinário. Ele irá avisar até mesmo se a cadelinha é pequena demais. Muitas pessoas preferem cães bem pequenos, mas as fêmeas muito pequenas têm mais problemas com a gestação. Foi o que aconteceu com a cadelinha da minha funcionária, que será castrada, já que não tem condições de manter a gravidez.

Finalmente, é necessário avaliar os traços comportamentais dos pretensos pais. Sim, comportamento também pode ser herdado. Foi basicamente esse quesito que norteou os criadores na seleção das raças. O labrador, por exemplo, foi criado a partir de cães que gostavam de buscar coisas e tinham mordida suave, para recuperar a caça abatida pelo dono e entregá-la sem danificar a carne. Se você cruzar dois cães medrosos, por exemplo, a tendência é que os filhotes também o sejam. Se cruzar pais agressivos, os filhotes também serão. Boa parte dos casos de cães assassinos que vemos nos jornais são fruto de cruzamentos realizados sem a devida avaliação comportamental dos pais.

Por tudo isso, a melhor solução é castrar seu cão ou gato. Além de eliminar o risco de cruzas indesejadas, a castração acaba com diversos problemas comportamentais, como xixi pela casa toda, e previne câncer ginecológico. Castre o mais cedo possível. Filhotes com poucos meses de vida podem ser castrados. Pense em tudo isso, pela sua felicidade e pela felicidade do seu animal.

Rachel Barbosa
http://rachelbarbosa.com.br


Gato Ninja


Autor: Mafalda ~ 27 de março de 2009. Categorias: animais.

Fiquei com medo deste gato!  Ô bicho  curioso, e ao mesmo tempo, “precavido”! Se fosse um cachorro iria correndo ver. Mas ele não,  vai de mansinho. Um ninja, mesmo!


Monacast 43 – Animais de Estimação


Autor: Mafalda ~ 27 de novembro de 2008. Categorias: podcasts.

Neste Monacast de risos e lágrimas ( parece até filme do Charles Chaplin. hehe),  Mafalda, Phoebe e Eubalena vão falar destes amiguinhos – os Animais de estimação -  que fazem a alegria e enriquecem a vida de muitas pessoas, principalmente as crianças.

E quem será que já teve um URUBU de estimação? você pode até imaginar, mas só escutando mesmo para saber.

Links: Natal dos bichinhos carentes no blog da Rachel Barbosa.

Músicas deste Monacast está no meu blip: http://blip.fm/Mafalda

Quer comentar esse podcast? Mande um e-mail para monacast [arroba] monalisadepijamas.com.br.

Beijos da Mafalda

Assine nosso feed no iTunes





Busca

© 2007-2019 Monalisa de Pijamas - Todos os direitos reservados. Contato: mafalda [arroba] monalisadepijamas.com.br