Porque fazer humor e podcast é uma arte
































Oscar 2009 – O Romance e as mulheres



Por Mafalda - 28 de fevereiro de 2009. Categorias: Mona POP.

Olá minhas amigas (e meus amigos, já que tem muito homem por aqui)! É com essa saudação que inicio com muito orgulho minha participação aqui no Monalisa de Pijamas.

Como uma enxurrada de nerds que chegaram aqui, também acabei conhecendo o blog por meio do Jovem Nerd e desde então virei freguês!

Sou o DoAssogue. Possuo um blog, o TotalCine, onde escrevo sobre cinema, de forma descontraída já que sou apenas um apaixonado por filmes (não tenho o embasamento teórico, nem tênis verde). Se quiser mandar um email para mim: doassogue@totalcine.com.br.

As meninas me chamaram para falar sobre filmes e o que agradaria ou não as mulheres, lembrando sempre que sob a minha ótica, então caso eu fale alguma besteira perdoem esse humilde representante do sexo masculino que sabe que jamais entenderá o sexo oposto.

Para começar (estou um pouco nervoso) vou tecer alguns comentários sobre três indicados ao Oscar desse ano, que coincidentemente são Romances. Ao contrário do ano passado onde um faroeste ganhou o prêmio de melhor filme, este ano o Oscar premiou um romance. Na lista dos indicados já se verificava uma maior representatividade do gênero já que tínhamos o campeão “Quem Quer Ser Um Milionário?”, “O Leitor” e “O Curioso Caso de Benjamin Button”.

Interessante ver como os filmes românticos, dos quais geralmente os homens fogem e suas namoradas / esposas / amigas tanto gostam são especialmente produzidos para agradá-las.

Não, isso não é uma crítica, quem mais poderia saborear a delicadeza e sensibilidade de um rapaz, que crescendo em meio à violência e pobreza na Índia e estando diante do maior prêmio já pago naquele país, sem sequer saber a resposta final resolve arriscar tudo somente para ter mais alguns minutos na televisão, na esperança que sua amada o estivesse assistindo?

Ou o que dizer de um garoto, maravilhado perante uma mulher mais velha que apesar de sua dureza externa mostrava-se tão frágil diante de um amor puro (tudo bem, nem tanto assim) de um menino que se dispunha a ler para ela e mesmo contra tudo que achava correto guardou para si o segredo que sua amada não queria revelar.

E mais uma vez um amor de infância, que atravessou décadas e enfrentou até mesmo o inexorável tempo, que passa para todos.

Sim, esse ano tivemos grandes representantes do gênero Romance. E você meu amigo, que gosta desse tipo de filme não se envergonhe, você é um privilegiado que não se incomoda de levar sua companheira ao cinema para assistir aquela história que irá levá-la às lágrimas. Já você minha amiga, saboreie e sinta-se lisonjeada, pois esses filmes são feitos para você.

Quanto a mim, não daria para “Quem Quer Ser Um Milionário?” o Oscar, e sim ao “Leitor” pelo conjunto da obra. E como disse o Bruno Mendonça: Kate Winslet (O Leitor) mereceu o Oscar tanto pela atuação quanto por sua carreira.

DoAssogue, aparecendo no blog dos outros!

Veja também:

1 Comentário to Oscar 2009 – O Romance e as mulheres

  1. Paula

    O Leitor é pra mim o melhor filme do ano (se bem que não assisti ao vencedor do melhor filme pelo Oscar).

    Mesmo assim, achei a trama sensacional, uma história de amor e de guerra com um viés inacreditável.

    [Responder]

Deixe seu comentário:





Busca

© 2007-2016 Monalisa de Pijamas - Todos os direitos reservados. Contato: mafalda [arroba] monalisadepijamas.com.br