Porque fazer humor e podcast é uma arte
































Páscoa animal



Por Rachel Barbosa - 2 de abril de 2010. Categorias: animais.

Hoje em dia os animais de estimação fazem parte da família. Membros da família participam das comemorações, por isso, na Páscoa muitos donos acabam servindo aos pets as comidas que humanos tradicionalmente comem nessa época. O problema é que o organismo dos animais não funciona como o nosso. Alimentos que para nós não causam nenhum problema podem matar um bichinho.

É o caso do chocolate, por exemplo. Chocolate contém teobromina, um alcalóide que pode ser venenoso para cães e gatos. Uma pequena dose é capaz de matar. A quantidade suficiente para causar envenenamento depende do peso do animal. Para um pinscher, por exemplo, bastaria uma pequena quantidade. Para envenenar um labrador, 200 gramas de chocolate seriam suficientes.

Atualmente passa na TV a propaganda de uma rede de supermercados em que um labrador destrói os ovos de Páscoa da família e todos acham engraçado. É um péssimo exemplo. Pode levar donos ou crianças a acreditarem que não tem nada demais o cachorro comer chocolate.

Caso acidentalmente seu pet coma chocolate, fique atento aos sintomas de envenenamento: excitação e nervosismo, vômitos e diarréia, espasmos, beber muita água. Os sinais costumam levar 12 horas para começar a aparecer. Por isso, caso você suspeite que o peludo tenha comido chocolate, mantenha-o sob observação por 24 horas e se notar algo errado,corra para o veterinário. (fonte: Dra. Cristina Alves, http://www.hospvetprincipal.pt/chocolates.htm)

Outro alimento comum na Páscoa é o bacalhau. Muitos donos acham o peixe tão gostoso que querem partilhar com o peludo. Mais um alimento contra-indicado. No preparo do bacalhau utilizamos cebola, que mesmo em quantidades pequenas faz mal, e alho, que em quantidades grandes pode causar anemia. Sem contar o sal e os outros condimentos, que também são ruins para a bicharada.

No entanto, peixe não salgado é um excelente alimento. Se você quiser oferecer um almoço especial ao seu pet nessa Páscoa, porque não tentar as Bolachinhas de Atum?

Bolachinhas de Atum

Ingredientes:
186 gramas de atum em lata não drenado (pode ser substituído por salmão ou cavalinha cozido, sem espinhas)
1 xícara de fubá de milho
1 xícara de farinha de trigo integral
1 colher de chá de salsinha picada
1/3 de xícara de água filtrada
1 colher de chá de catnip picadinho (se a receita for servida para cães, faça sem catnip)

Modo de fazer:
1 – pré-aqueça o forno a 150 ou 180 graus
2 – despeje todos os ingredientes numa tigela e misture com as mãos
3 – abra a massa até ela atingir 0,5cm de espessura
4 – corte a massa com cortador de biscoito (capriche nos desenhos)
5 – coloque a massa sobre papel manteiga culinário untado
6 – asse por cerca de 20 minutos ou até ficar dourado
7 – deixe esfriar antes de servir.

(fonte: Cachorro Verde http://www.cachorroverde.com.br/petiscos.php)

Boa Páscoa para você e para seu peludo!

Rachel Barbosa
http://caoamado.com.br

Veja também:

Deixe seu comentário:





Busca

© 2007-2016 Monalisa de Pijamas - Todos os direitos reservados. Contato: mafalda [arroba] monalisadepijamas.com.br