Porque fazer humor e podcast é uma arte
































Cachorro 40 graus



Por Rachel Barbosa - 20 de fevereiro de 2010. Categorias: animais.

poodle no calor

Tá quente, né? Um calor quase insuportável, mas que não é exclusivamente sentido por humanos. Os animais também tem sofrido com as altas temperaturas.

A turma aqui de casa faz o que pode pra aguentar. Bruno adora ficar sentado em frente ao ventilador pequeno quando colocamos no chão. Galileu rapidamente se posiciona em frente à saída do ar condicionado quando entra no carro. Annita prefere passar o dia dormindo no chão da cozinha. Ge se refresca jogando pra fora a água de beber da vasilha.

Eles encontraram sozinhos soluções excelentes, mas se o seu cão ou gato ainda não fez isso, ajude-o. Quando sair de casa, deixe o ventilador funcionando. Normalmente a gente desliga, mas os peludos também precisam dele. Quando possível, permita que fiquem com você no ambiente em que o ar condicionado estiver ligado. Ofereça água, muita água. Vale colocar pedras de gelo pra mantê-la fresca por mais tempo. Água de coco também é excelente para hidratar e refrescar, e os cães adoram. Para os gatos, uma fonte, daquelas vendidas em lojas de produtos naturais, estimula que bebam mais água. Se você tiver um quintal, pode promover uma brincadeira com banho de mangueira. Se não tiver, vale a banheira do apartamento. Mas não deixe de secar o cão no final. Se o cachorrão vive no quintal, garanta que ele tenha sobra durante todo o dia.

Na rua é preciso tomar mais cuidado. Procure levar o dog para a voltinha do xixi bem cedo, ou no final do dia. Evite os horários mais quentes. Exercícios sob o sol quente nem pensar! Cães e gatos não suam como nós, regulam a temperatura do corpo através da respiração, por isso correm maior risco de hipertermia (aumento excessivo da temperatura do corpo, causando a perda da capacidade de controlar a temperatura), que pode levar à morte. Leve água ou compre geladinha durante os passeios. Deixar o animal dentro do carro parado, jamais! A temperatura dentro de um carro parado ao sol pode ultrapassar 50 graus, ou seja, pode matar.

Vale lembrar que sob o sol o chão da rua fica muito quente. Já colocou seu pé sem sapato no asfalto quente? Vai queimar a sola do pé, não é? Então por que fazer o cão passar descalço num piso desses? Ele também queima as almofadinhas. Coloque sapatinhos próprios ou só saia em horários não tão quentes.

Cães e gatos também podem sofrer queimadura de sol e ter câncer de pele. Os animais de cor clara ou albinos são os mais propensos. As áreas mais atingidas são aquelas com pouco ou nenhum pelo, como focinho, parte interna das orelhas, barriga e, nos machos, saco escrotal. O que fazer para evitar esses problemas? Filtro solar sempre que o pet for se expor ao sol. Existem filtros próprios para animais, mas não é muito fácil encontrá-los em pet shops. Na falta, aplique filtro para humanos, com fator de proteção alto, mas não deixe o peludo lamber!

Amanhã eu e Galileu participaremos de uma prova de agility, sob sol quente. Iremos (os dois) beber muita água gelada e ele vai ganhar um banho de água fria antes e depois de entrar em pista. Torçam por nós!

Rachel Barbosa
http://caoamado.com.br
http://rachelbarbosa.com.br

Veja também:

Deixe seu comentário:





Busca

© 2007-2016 Monalisa de Pijamas - Todos os direitos reservados. Contato: mafalda [arroba] monalisadepijamas.com.br