Porque fazer humor e podcast é uma arte

































DISCIPLINA PARA PARA PAIS INDISCIPLINADOS


Autor: Eubalena ~ 12 de março de 2009. Categorias: Mona em Família.

Hoje eu venho aqui, na realidade, para me desabafar como pai em relação à educação de outros pais de alunos da escola aonde minha filha estuda.

Sempre demonstro para a minha filha que respeito às regras de trânsito. Nunca deixo ela andar no carro sem o cinto de segurança, sempre sentada no booster, que nada mais é que um assento de segurança que eleva a criança à altura do cinto convencional do carro. Sempre que vou atravessar a rua é pela faixa de pedestres. E sempre explico para ela o significado das placas.

Antes de ser pai, confesso que era um pouco desrespeitoso das regras de trânsito. Adorava correr acima do limite permitido! Acredito que o fato de ter uma filha comigo ou me esperando em casa me fez parar e pensar em ser alguém mais responsável. Isso eu devo a ela. Não só no trânsito, mas como na vida como um todo.

Voltando a falar na educação alheia, sempre saio da escola da minha filha enfurecido, literalmente.

A escola para dar o exemplo e tentar organizar a entrada, pintou todo o pátio com faixas de segurança, sinais de locais permitidos para estacionar, para parar e proibidos. Porém, uma grande parte dos pais simplesmente ignora esses sinais. Estacionam em lugares que eu muito bem poderia parar (e não estacionar!) para a minha filha descer. Chegam a estacionar em cima da grama do jardim e em frente de vagas ocupadas, impedindo a saída do carro que está estacionado.

Eu já reclamei para a diretora, para a professora, para o recepcionista das crianças. Todos concordaram comigo, que realmente a entrada está um caos. A diretora tomou a iniciativa de enviar logo nos primeiros dias de aula um recado, expondo a situação e pedindo a todos os pais que respeitassem as regras. Mas, isso foi inútil.

O que não me entra na cabeça é como o pai de uma criança que se preocupa em trazer ela para estudar, aprender, ter uma formação de ética pensando no próprio bem dela, não percebe que essa formação ética começa dentro de casa, com a família. Como ele pode dentro da escola estacionar em local proibido, passar por cima da grama, atrapalhar terceiros em benefício próprio, com a criança estando sempre do lado dele, se isso não é correto? Isso acaba sendo uma contradição lógica ou a uma situação que contradiz a intuição comum que deve confundir a cabeça da criança. Ou não!

Eu mesmo, como sou chato de carteirinha, vivo mostrando todos os dias para minha filha as situações em que o pessoal infringe as leis dentro do pátio da escola com seus carros.

E ela esperta que só, entendeu tudo direitinho e andou cobrando da minha esposa. Outro dia, minha esposa, que certamente deve ter feito algo errado no pátio da escola, chegou em casa pedindo explicações por ter sido chamada de infratora pela nossa filha!

- Que negócio é esse de ensinar a nossa filha a me chamar de infratora??????





Busca

© 2007-2020 Monalisa de Pijamas - Todos os direitos reservados. Contato: mafalda [arroba] monalisadepijamas.com.br