Porque fazer humor e podcast é uma arte
































Maurício de Sousa 50 anos de carreira



Por Mafalda - 10 de agosto de 2009. Categorias: Cantinho das Monas.

Não há ninguém que tenha passado a infância, aqui no Brasil, sem ler um gibi da Turma da Mônica.

E desde bem pequena, eu já via as revistas do Mauricio de Sousa e da Disney (Clássicas).

Torci o nariz com algumas mudanças nas expressões dos personagens, e no estilo do desenho, lá pelos anos 90. Mas eu já era adulta. Fiquei horrorizada quando os personagens começaram a fazer caras e bocas estilo mangá, tipo:  mandaram embora a caracterização dos personagens!? Mas mais uma vez, isso não tem importância para o público leitor das revistinhas da Turma da Mônica. Com certeza, muitas crianças continuam apreciando as historinhas, entre elas: minhas duas filhas!

Como desenhista, minhas influências foram o que eu consumia, o que eu via, e eram os maravilhosos personagens da Turma da Mônica, nos traços dos anos 70- 80, também muito Disney e um pouco dos Animes: A princesa e o Cavaleiro, etc.

Perguntavam, quando me viam desenhar, se não iria trabalhar ou mostrar meus desenhos pro Mauricio de Sousa. Eu dava de ombros, do tipo: como que vou mostrar meus desenhos para o Mauricio de Sousa?

E não é que acabei parando lá, por uma oportunidade da vida? E na área que eu realmente sempre gostei: animação!

Havia o andar dos quadrinhos e o andar da animação. Porém, estávamos em uma época recessiva e não havia muita produção. Fui contratada, junto com mais 2 pessoas, para trabalhar no que seria o filme “Cine-Gibi”, mas que acabou não saindo na época, e mais ou menos 1 ano depois da contratação a Black and White – responsável pela parte de animação da Mauricio de Sousa, foi fechada.

Fazer animação no Brasil sempre foi uma tarefa heróica, e muito dificil! Mauricio de Sousa sabe bem disso! Agora, com os  computadores e programas estilo flash, está mais acessivel. Mas ainda assim, fazer uma série animada ou mesmo um longa metragem, não é tão fácil!

Em 1 ano que estive lá, vi poucas vezes o Mauricio. Somente aparecia quando tinha alguma visita especial  para mostrar a empresa. Uma vez, peguei o elevador junto com ele. Fiquei pensando se falava alguma coisa, mas ele estava com aquele ar sério de chefe, diferente de quando aparece sorridente na tv, e fiquei intimidada. hehe. Ia falar o que: “Oie, eu trabalho pra você!”?? ohohohoh

Meu setor era chefiado pelo marido da Mônica.  A filhinha da Mônica, na época, era uma criança. Devia ter por volta de uns 9 anos, talvez….
Hoje é adulta, e acho que até já tem uma filha ou filho e a Mônica é vovó. :)

O Parque da Mônica estava inaugurando no Shopping Eldorado e os funcionários ganharam convites.

Trabalhar na Mauricio de Sousa, no caso a “extinta Black and White” – que respondia pelas animações, foi uma experiência incrível para mim, uma honra! Pois Maurício de Souza é único no Brasil!

Parabéns Maurício de Sousa pelos 50 anos de carreira e por estes 50 anos de alegrias, diversão, cultura e sonhos que deu às crianças e que continua proporcionando!!

Mafalda

E para ver a exposição em comemoração dos 50 anos de carreira do Maurício de Sousa, visite o MuBE – São Paulo
Terça a Domingo das 10H às 19H
De 18 de julho a 18 de agosto 09.

Veja também:

14 Comentários to Maurício de Sousa 50 anos de carreira

  1. Rodrigo Guedes

    Mafalda, seu post me encheu de nostalgia!
    Também torci o nariz para a Mônica dos anos 90 (acompanho desde a década de 70), quando mudaram gerações e mudaram traços.

    Histórias como a clássica “As emoções bárbaras” e “Cebolinha: novos planos infalíveis” deixaram de ser tão frequentes. As elocubrações profundas de Horácio, retrato de uma época carente de conteúdo, se tornaram mais leves, os contos dos “Aniversários da Mônica” deixaram de existir e clássicos como “A princesa e o Robô” marcaram uma época.

    A vida bucólica e cheia de experiências de Chico Bento ficou mais leve. Haviam histórias de arrepiar, como aquela em que o Chico acorda um dia pela manhã e não reconhece ninguém, parece ser outra pessoa, da cidade grande e sua mãe, seu pai, Rosinha o acolhem mostrando para ele a vida que levam. Ao final ele acorda Chico novamente. Essa história é cheia de metáforas e entrelinhas fantásticas.

    Mafalda, como você comecei com animação (usando Truca!), HQs, depois fui pro mundo da publicidade. E minha influência eram os quadrinhos da turma da Mônica (toda semana novas aventuras trazidas por minha mãe, retratos de uma época pré-virtual).

    Enfim, seu post me emocionou. Saber que você trabalhou com um dos meus ídolos da infância (até hoje tenho o Cascão que ele desenhou pra mim em uma palestra guardado)me fez admirar o Monalisas ainda mais ;)

    Abração
    Rodrigo

    [Responder]

  2. Mauricio 50 anos « Neossinapses

    [...] quadrinhos, turma da mônica O twitter da @mafaldamonacast me levou ao seu post, excelente, no Monalisa de Pijamas sobre os 50 anos do Maurício de Souza. O comentário que fiz no post, me empolgou para [...]

  3. Coelhadas ao longo das décadas « Neossinapses

    [...] quadrinhos, turma da mônica O twitter da @mafaldamonacast me levou ao seu post, excelente, no Monalisa de Pijamas sobre os 50 anos do Maurício de Souza. O comentário que fiz no post, me empolgou para [...]

  4. patricia

    eu amo ler principalmente os gibis do maúricio de souza é tão gostoso de ler!!!!!!!!!!!!

    [Responder]

  5. Marisa

    meu filho Renato deenha muito bem,gostaria de obter algum contato.
    Obrigada
    Marisa

    9486.8857

    [Responder]

  6. larissa freire

    eu adoro aturma da monica beijão monica

    [Responder]

  7. joana

    mauricio amo os gibis da turma da monica jovem beijos para todos os personagem inclindo a escritors da turma da tuma da monica jovem

    [Responder]

  8. matheus minoro hirata.

    eu atorio os gibi

    [Responder]

  9. Sávio.

    Legal ver que existem mais desenhistas por aqui além de mim: eu tenho minhas próprias séries e, pretendo publicá-las futuramente.

    No momento: eu faço comics, gibi, mangá, fumetti e até desenho básico mesmo.

    Só um detalhe: personagem é uma palavra feminina: vem de “persona” que é pessoa em espanhol, italiano e latim e, palavras acabadas em “agem” são geralmente femininas; pode crer?

    [Responder]

    Mafalda Resposta:

    Oi Sávio!
    Quando você publicar suas séries nos avisa!
    Legal o comentário sobre a palavra “personagem” e “persona”. :)
    Abraços,
    Mafalda

    [Responder]

  10. priscila

    oooi tdb com vcs eu adoro a turma da monica eu temnho 11 anos eu des de piquinininha +- ums 2aninhos eu queria ir no porquinho da turma da monica soque minha mae nao qis me levar
    eu comesei a chora e pasei 1ano sem faler com ele.
    eu ta muito feliz em dechar este recade pra vcs
    que vcs sejan muito felizes eu espero que se vcs tiver orkut
    que me add no orkut EU TO MUITO FELIS

    [Responder]

  11. gabriella alzira

    Parabens PELOS SEUS cinquenta anos gosto muito de vc moro em manaus pq vc nao vem aqui conheço pessoas que vao ficar feliz em ver vc crianças de todas as idades ,eu tenho um livro que eu desenho todas as ediçoes da tmj infelismente comecei a coleciona tarde a minha primeira ediçao foi surge uma estrela parte um eu ganhei no dia do meu niver 21 de março…beijos

    [Responder]

  12. emily da costa cotiu

    oi m

    [Responder]

  13. emily da costa cotiu

    io com vocÊ rio a mÔnica com vocÊ rio eles

    [Responder]

Deixe seu comentário:





Busca

© 2007-2016 Monalisa de Pijamas - Todos os direitos reservados. Contato: mafalda [arroba] monalisadepijamas.com.br