Porque fazer humor e podcast é uma arte
































Disciplina



Por Rachel Barbosa - 29 de agosto de 2010. Categorias: animais.

Galileu e Bruno

O especialista em psicologia animal, Cesar Millan, sempre diz que a base do nosso relacionamento com os cães deve ser EXERCÍCIO, DISCIPLINA e AFETO. Mas o ser humano não costuma agir nessa ordem. Em geral colocamos o AFETO em primeiro lugar, o EXERCÍCIO em segundo e a DISCIPLINA vem por último – às vezes nem vem. Infelizmente essa semana experimentei os problemas causados pela falta de DISCIPLINA.

Geralmente sou eu quem passeia com os cães, mas semana passada meu marido foi quem desceu com eles. Na terça-feira desta semana ele deu aula até mais tarde e eu levei a cachorrada para a rua. Após 40 segundos de passeio deu vontade de parar tudo e voltar pra casa! Os cães estavam alucinados, agitados demais, “me levando” para passear e não ao contrário. Bruno sempre puxa a guia. Com o adestramento ele melhorou muito, mas não parou completamente. No entanto, naquele dia ele não era o único puxando e nem era o que puxava mais, Geometria era a pior.

Quando você tem um cachorro pequeno puxando a guia, é fácil lidar com a situação porque você é mais forte. Quando são dois cães pequenos puxando, a coisa fica um pouco mais difícil, mas não impossível. Quando são três, mesmo pequenos, eles conseguem arrastar a gente. E ter que fazer força o passeio todo para não ser derrubada no chão é muito desagradável. Deixa de ser passeio e vira tortura.

Era assim que eu estava na rua, na terça-feira. Mas para meu espanto, as pessoas que passavam não percebiam que eu estava sendo torturada por aquelas coisinhas peludas. Todos dirigiam aos cães (quase) selvagens aquele olhar de “oh, que gracinha!” O que as pessoas têm na cabeça para acharem bonitinho um cão tentando arrastar o dono pela rua?! Isso só prova a pouca importância que o ser humano atribui à DISCIPLINA!

Pensando no benefício dos cães, mudei de ideia quanto a voltar para casa, mas considerei deixar Galileu e Bruno e sair só com a Ge, que era a mais mal comportada. Aí lembrei do que o Cesar Millan fala sobre a força do bando (o cara, baixinho, consegue caminhar com vários cães de grande porte ao mesmo tempo sem ser arrastado) e decidi que resolveria o problema com meu pequeno bando reunido.

Tomei as rédeas da situação, colocando todos as guias em uma só mão, e passei a fazer o que o adestrador dos meus cães chama de treino de guia: quando o cão começa a puxar durante a caminhada você muda de direção abruptamente para que ele perceba que é você quem determina o caminho e que ele precisa prestar atenção no dono para não ser surpreendido por uma mudança brusca de direção. Inicialmente não conseguia caminhar mais do que 10 metros sem ter que mudar de direção. Precisei de umas 30 mudanças bruscas antes de conseguir caminhar até a metade da minha rua. Depois disso os cães deixaram de ser “selvagens” e voltaram ao normal. Aí voltei para casa cheia de raiva do maridão, que ao não priorizar a disciplina durante os passeios da semana anterior, fez os cães acreditarem que poderiam fazer o que quisessem, inclusive arrastar o humano que estivesse com eles.

Fica aqui a dica: ouça o que diz o Cesar Millan e não esqueça da disciplina. Fará bem para você e para o seu cão também!

Rachel Barbosa
http://caoamado.com.br

Veja também:

1 Comentário to Disciplina

  1. Vera Santos

    Olá! muito interessante o seu texto sobre disciplina, porém comigo ainda não funcionou, sempre assisto o “encantador de cães” e vejo o quanto as dicas que ele dá são boas e eficientes. Tenho 1 casal de schnauzers de 4 anos, a Khloé e o Kevin, e não consigo passear com os dois juntos, já tentei, mas desisti na primeira esquina, quase cai, e eles ficaram maluquinhos, então sempre saio primeiro com o Kevin e depois com a Khloé. Esses barbudinhos são deliciosos, maravilhosos, e eu como também sou mãe só de cachorros, sou muito, muito coruja. amo de paixão essas coisinhas lindas da minha vida. Gosto muito de câes, todos são bonitos e adoráveis, mas tenho um encantamento especial pelo schnauzer. são tudooo de lindo!! Parabens pelo texto e pelos seus peludos lindos, lindos.

    [Responder]

Deixe seu comentário:





Busca

© 2007-2016 Monalisa de Pijamas - Todos os direitos reservados. Contato: mafalda [arroba] monalisadepijamas.com.br