Porque fazer humor e podcast é uma arte

































Resultado: O que estou pensando? #03


Autor: Mafalda ~ 4 de fevereiro de 2010. Categorias: Que estou pensando?.

wall-e

Ela: Wall -E !!!!
Ele Evaaaaa!!!!
Mariana Bonfim

i’ve… had… The time of my e-life. No, i never felt anything before …
Dudo

Alonguei gostoso agora!
Kell Bonassoli

Você precisa de um homem pra chamar de seu,
mesmo que esse homem seja eu…
Pablo Amaral

Onde está o controle remoto dessa coisa?
Diego

É feio mas sabe dançar, tem a pegada firme, carrega peso,
troca a lâmpada, se for bom de cama, pra quê homem?

Alice

Ela: “Tomara que este seja melhor que aquele ultimo
que aluguei, aquele tal de C3PO!”
Fe Marconi

Me possua Wall-e!
Caroline Oliveira

É meio frio, mas ao menos não me larga pra ver futebol na TV.
Davi Graeff

Ah, não consigo alcançar meu diafragma que está na estante!
Ingrid Strelow Lima

Noooossa! dança muito melhor que meu marido!
andymansera

Depois de “um Tango em Paris”… Um Tango com C3-PO.
Luis Edvaldo Corrêa

Enfim posso dançar com quem sabe e não reclama….
Graziele

U-huu!! Eita que o Wall-E aqui tem uma pegada forte! E agora que
quebrei 3 costelas consigo até imitar o Neo do Matrix!!!
Thyago Mangá

Ai, meu lumbago!!
Edson Oliveira


Personagens Femininas de Longas de Animação


Autor: Mafalda ~ 6 de agosto de 2009. Categorias: MonaCine.

Depois de listar as personagens do Cinema mais marcantes, nada mais justo do que destacar as personagens de filme de desenhos animados que marcaram gerações.

Betty Boop – Cidade Louca (1932)

Eterna pin-up dos desenhos animados, foi criada por Grim Natwick que se inspirou em Helen Kane, uma cantora e atriz que trabalhava para Paramount Pictures.

Branca de Neve – Branca de Neve e os Sete Anões (1937)

Baseada em um conto dos Irmãos Grimm, Branca de Neve foi a primeira das Princesas Disney, marcando várias gerações com a sua simpatia e inocência.

Branca de Neve também foi um Marco, pois foi a primeira animação que apresentava personagens mais realistas, saindo das caricaturas e cartoons.


Story Board Original dos estúdios Disney

Cinderela – Cinderela (1950)


Inspirada no conto de Charles Perraul denominado A Gata Borralheira, Cinderela ainda marca muitas meninas sendo a princesa Disney mais rentável para a empresa.

Cinderela foi a “Segunda Branca de Neve” dos estúdios Disney. Depois de gastarem “os tubos” em animações que não fizeram sucesso, Disney precisava urgentemente repetir o sucesso de Branca de Neve, para sobrevivência do estúdio. E acertou! Era o que o público queria.

Sininho – Peter Pan (1953)


Esta pequena fada co-adjuvante soube de tal forma cativar o público que até garantiu um filme solo no último ano e chegou a ser interpretada por Julia Roberts em Hook – A Volta do Capitão Gancho (1991).

Também virou “Garota Propaganda” nos Parques da Disney e nas chamadas televisas dos programas da mesma empresa.

Cruela Cruel 101 Dálmatas (1961)

No original Cruella De Vil, é a vilã mais bem (ou mal) vestida dos desenhos. Ganhou duas versões em live-action, 101 Dálmatas (1996) e 102 Dálmatas (2000) sendo interpretada por Glenn Close.

Jessica Rabbit – Uma Cilada Para Roger Rabbit (1988)

A mais sexy personagem das animações inspirou mulheres a copiarem seu visual sensual de cabaret e fez muitos homens se apaixonarem por uma mulher totalmente ficcional.

Bela – A Bela e a Fera (1991)

Inteligente, Bela é leitora assídua de livros e em busca de uma vida melhor que a da pequena vila em que vive, acaba se apaixonando pela beleza interior da temida Fera.

A Bela e a Fera foi a primeira animação a concorrer ao Oscar de  Melhor Filme e a cena acima foi a escolhida para ser exibida na premiação. A cena do baile, com o cenário totalmente em 3D também marcou a época.

Chihiro – A Viagem de Chihiro (2001)

Criada pelo consagrado diretor dos estúdios Ghibli, o japonês Hayao Miyazaki,  Chihiro trabalha em uma casa de banho que atende todos espíritos orientais enquanto descobre uma forma de libertar sua família de um feitiço.

O filme ganhou o Oscar de Animação, e Miyasaki pode ser considerado o “Disney do Japão”, por seu perfeccionismo, belíssimos e detalhados cenários, ótimas histórias e sim: Heroínas maravilhosas. E Chihiro é uma delas!

Dory – Procurando Nemo (2003)

Seja com seu baleiês ou músicas positivas do tipo “Continue a Nadar”, a desmemoriada peixinha conquistou a todos com seu bom-humor nas situações mais perigosas.

Fiona – Trilogia Shrek (2001, 2004, 2007)

Quebrando qualquer esteriótipo das princesas dos contos de fadas, Fiona é uma encantadora e verde ogra que solta pum e parte para a briga para defender Shrek e o reino de Tão Tão Distante.

Eva – Wall-E (2008)

Com visual inspirada nos produtos da Apple e um humor que lembra uma humana na TPM, a robô além de conquistar o coração de Wall-E, o protege ao longo do filme mostrando um amor puro e sincero.

Com uma pequena contribuição da Mafalda. ;)

****************
****************

ESCUTE TAMBÉM NOSSOS PODCASTS:
- PARA SEMPRE PRINCESA ( podcast de entretenimento e humor, onde falamos o que aconteceu com as Princesas da Disney) . Clique aqui para o post do Podcast.

– PODCAST SOBRE HAYAO MIYAZAKI – criador e diretor de A Viagem de Chihiro e  o Castelo Animado. Clique AQUI para o post do Podcast.



Super 8: Wall E


Autor: queiroz2511 ~ 3 de junho de 2009. Categorias: Mona POP.

Eu sou o Queiroz e escrevo no blog http://escritosmalditos.blogspot.com/ e no site de Mariana Bonfim: http://movieyou.com.br/voce , e hoje no Super 8 venho falar da obra prima da animação Wall E.

“O Homem bicentenário” e “A.I.” são sobre robôs que querem ser reconhecidos como seres humanos. Já na obra dirigida e roteirizada por Andrew Stanton, os robôs Wall-E e Eva aceitam de bom grado suas prioridades, mas podem dar uma paradinha para dar uma paquerada, enquanto os seres humanos abandonaram o lixão que se tornou o planeta Terra para viver numa nave espacial, de forma sedentária cativando corpos rechonchudos diante de suas telas, não olhando para os lados.

Talvez soasse por demais antipático criticar por assim dizer a parcela nerd rechonchuda que vai assistir a esse filme, entretanto Andrew Stanton morde mas assopra de forma bem convincente fazendo n referencias as paixões nerds como o n.°5 de Um robô em curto circuito, Jornada nas Estrelas, e até 2001 do Kubrick.

Sobre os dados técnicos, um primor a fotografia do filme, e o que mais me cativou foram as cenas em que eles ficavam no escuro, fazendo em belo contraste dos olhos luminosos de Eva. Realmente sensacional. O filme acaba sendo um retrato bem humorado da atualidade, abordando a poluição e a moda do sedentarismo, e o romance dos robozinhos vai fazer os filhos perguntarem o mesmo que um garotinho na sessão que eu fui: “Tá chorando pai?”. Pois é, em tempos em que vemos filmes sobre máquinas que demonstram ter valores esquecidos pelas pessoas, não será difícil que daqui a alguns anos a gente acredite com 100% de certeza que o amor não é humano.

Queiroz


Monacast 53: Oscar 2009 de Animação


Autor: Mafalda ~ 12 de fevereiro de 2009. Categorias: podcasts.

Mafalda e Eubalena trazem convidados super especiais para falar dos Concorrentes ao Oscar de melhor Animação em 2009. Vamos falar do favorito Wall-E, Kung Fu Panda e Bolt, sendo todos em formato 3D.

E nossos Convidados são:

Kanton – Ilustrador e animador,  tem 30 anos de carreira: animador de comerciais famosos,  foi diretor e coordenador geral de animação no estúdio Maurício de Souza Produções.

Alguns trabalhos:

César Freitas – Jornalista e Apresentador do programa HQ & Cia da All TV. Especialista e colecionador de quadrinhos e animação.

Como além dos concorrentes em animação do Oscar, falamos também sobre a Animação 3D x Animação 2D, Disney, Hanna Barbera, turma da Mônica, Bob Esponja, etc, dividi a conversa em duas partes. A primeira é o Monacast 53 sobre o Oscar, e a segunda parte – na semana que vem -um bate-papo sobre animação (geral).

Eu e a Eubalena participamos do Podcast Spin-off,  sobre Seriados Americanos.  Confiram aqui!

Quer comentar este podcast? Envie um e-mail para monacast@monalisadepijamas.com.br.

Beijos da Mafalda


Assine nosso feed no iTunes





Busca

© 2007-2021 Monalisa de Pijamas - Todos os direitos reservados. Contato: mafalda [arroba] monalisadepijamas.com.br