Porque fazer humor e podcast é uma arte

































Fim da bagunça: meu sonho de consumo


Autor: Mafalda ~ 20 de julho de 2011. Categorias: Sofá da Mona.

Zapeando na TV, vira e mexe paro hipnotizada para assistir aos programas de “arrumação” de casas. Dessa linha, sou quase viciada no “Cada Coisa em Seu Lugar” (exibido pelo Discovery Home & Health) com a divertida apresentadora Niecy Nash (atriz e comediante, que talvez você conheça do engraçadíssimo Reno 911!).

Recentemente, o GNT investiu em algo similar, tendo à frente Micaela Góes (ela é atriz desde menina – foi a Maria Lua de Ana Raio & Zé Trovão – mas no GNT aparece como consultora de organização). No programa brasileiro (Santa Ajuda, exibido nas noites de quinta) a proposta é arrumar um ambiente. Às vezes, sem tirar nem colocar nada de novo, percebe-se ser possível ter mais espaço e estética, basta saber organizar. A idéia é ensinar ao espectador alguns princípios para arrumar e manter a arrumação (o mais difícil). Já estou usando dicas que aprendi no programa, que também ensina a tirar manchas e outros macetes para casa no melhor estilo “Sebastiana Quebra-Galho”. Ah! E também aprendi a falar “sala de convivência” em vez de “sala de estar”
(adoro esses termos afrescalhados).

No “Cada Coisa em Seu Lugar” a operação é radical. A casa inteira é organizada. Não sei os critérios de seleção, mas as casa norte-americanas são imbatíveis no combo from hell bagunça+tralhas. Hábito por lá, os itens descartados (para ganhar espaço e beleza) viram dólares em vendas de garagem. A grana arrecadada é investida em móveis, cortinas, pintura e objetos de decoração. O que não é vendido é doado. A equipe conta com decoradores e handmen (aqueles caras que fazem qualquer conserto com um sorriso na cara) e o resultado sempre é excelente.


A turma do Cada Coisa em Seu Lugar. Niecy sempre discreta de vermelho.

Estou criando coragem há tempos para organizar o escritório de minha casa. Pilhas de papel aguardam um destino, canetas que não pegam, recibos, anotações, agendas velhas, desenhos… Mas cadê pique?! Admito: meu sonho de consumo é ter um desses programas arrumando tudo para mim. Sonho impossível pela geografia. Uma alternativa genérica seria trazer minha mãe, que adora arrumar qualquer coisa (do seu modo lógico) e deixá-la mexer em toda minha bagunça. Hum… É, pensando bem, prefiro continuar tentando criar coragem e anotando as dicas da Micaela e da Niecy.


Clique no retângulo acima para acessar o blog da Ju Teófilo





Busca

© 2007-2022 Monalisa de Pijamas - Todos os direitos reservados. Contato: mafalda [arroba] monalisadepijamas.com.br