Porque fazer humor e podcast é uma arte

































Como LOST deveria ter acabado


Autor: Mafalda ~ 29 de junho de 2010. Categorias: Animação Monalisa e Sawyer, Mona POP, Sofá da Mona.

Do genial blog http://www.howitshouldhaveended.com/

Escute também o Podcast sobre a série LOST e o episódio final The End clicando aqui!

Beijos,
Mafalda


Monacast 82: LOST – The End


Autor: Mafalda ~ 24 de junho de 2010. Categorias: podcasts.

Lost the end

Mafalda recebe a Sra. Jovem Nerd e Portuguesa do Nerdcast, e Vana Medeiros do site Estrelando e podcast Spin-Off, para juntas fazerem uma revisão e falarem suas opiniões sobre a série LOST, do começo até o episódio final – o The End – da 6a. e última temporada desta série que se tornou um Mito entre as produções para a TV.

RSS e iTunes
Assine o feed do Monalisa de Pijamas no seu agregador de RSS ou clique aqui para assinar diretamente no iTunes.

MANUAL DE INSTRUÇÕES
Aperte o PLAY acima ou CLIQUE AQUI com o botão direito do mouse e escolha a opção“Salvar Destino Como” para baixar o arquivo no formato MP3, ou então CLIQUE AQUI para baixar a versão zipada.

EMAILS E COMENTÁRIOS
Elogios, críticas e sugestões mande-nos por e-mail para monacast@monalisadepijamas.com.br

LINKS
Especial com o elenco de Lost no JKL Aloha

Lost – Answers!? ( Música Paródia)

Lost Wars e Jack Jedi

Finais alternativos de Lost

Lost Untangled – The End

Josh Holloway fazendo Moon Walk
Elenco de Lost se despede da série e vídeo paródia

No Sofá – Final de Lost
Monacast 66 – Lost parte1 com Claudia Croitor e Carlos Alexandre Monteiro

Monacast 67- Lost parte 2 – The Incident

SIGA-NOS NO TWITTER
@mafaldamonacast
@Portuguesa_NC
@SraJovemNerd_NC
@vanamedeiros


O Final de LOST – The End ( com Spoilers )


Autor: Mafalda ~ 25 de maio de 2010. Categorias: Sofá da Mona.

lost the end eyes jack

Dificil não falar algo, ou deixar de se expressar com o Final de LOST, pois é como uma pessoa querida que foi embora, que você acompanhou durante 6 anos e aí ficou aquele vazio!

Não verei mais Jack com sua cara intrigada, Sawyer com seu sorriso de covinhas, Kate machone e delicada ao mesmo tempo, Locke esperto e com brilho no olhar, Desmond Brothaaaa, Hugo amigão e divertido,  Ben e seus olhos esbugalhados, Sayid perdido e apaixonado, Jin e Sun, Juliet, Claire,  e tantos outros personagens queridos, em suas aventuras pela Ilha, em viagens no passado ou no futuro. Snif!!!

Durante o The End, chorei conforme cada casal ia se encontrando, ou quando um encontrava o outro, com aquele expressão: “Olha você aí! Que bom revê-lo novamente!” Como não se emocionar?

lost-finalComo não se emocionar com Kate se despedindo de Jack, com Jin e Sun vendo a filha no ultassom e relembrando tudo. Com Sayid encontrando Shannon.

Sorri com Hurley sequestrando Charlie e em outros momentos, com Sawyer estranhando o Doctor Jack no  corredor do hospital.

O que era afinal mais importante em LOST: a Ilha ou as pessoas? Escutamos muito que a Ilha era o personagem principal e que a história era sobre ela. Mas sofríamos, chorávamos e nos alegrávamos com as pessoas.

E é sobre o destino delas, e não da Ilha, que os produtores finalizaram a série.

Quanto à Ilha, há as duas opções: ainda continua lá, com algum novo guardião.
Ou afundou quando a bomba foi detonada por Juliet. E aí todos os personagens morreram naquele momento.

lost ilha submergida

Fica esta dúvida.

Mas acho que o Final de Lost, o The End,  mostra que a vida ainda continuou e toda aquela aventura, com Locke-monstro de fumaça, templo, Sayid zumbi, etc, aconteceu!
Hurley e Ben continuaram vivos na Ilha, guardando a Luz, e Rose e Bernard também.
Só fiquei na dúvida se o avião caiu com Kate, Sawyer, Claire e cia, mas  lembrando que Jack viu o avião antes de fechar os olhos, conclui-se que aquele grupo continuou vivo, e Kate cumpriu a missão de levar Claire de volta para Aaron.

lost the end avião

Hurley, assim como Jacob, não queria ser o Guardião da Luz mas não teve escolha. Aceita a missão, com ar sofrido. Fiquei com muita pena do Hugo. Mas pelo menos não estaria sozinho, se Ben ou mal acompanhado, não sei. Trocadinho chinfrim… hehe

Para mim, ficou clara a idéia, não só espiritual, mas Espírita deste final. Eu não sou espírita, mas a Phoebe e outras pessoas conhecidas são, e independente da série, já tinham me falado algumas coisas que acreditam e que batem muito com o que foi passado neste final.

No Espiritismo, os espiritos dos mortos podem continuar andando por aí, muitas vezes perdidos, muitas vezes sem saber que morreram. Como no caso de Jack, que alcançou a redenção salvando a Ilha e as pessoas no avião, e com ajuda de Desmond e por fim, do seu pai, percebeu o seu estado e pode partir.

lost Jack e seu pai

A realidade paralela e o final representam o purgatório e a morte dos personagens. E, na visão Espirita, muitos ainda tinham “coisas a resolver”.  Para alguns foi necessário um espírito mais elevado, como Desmond e Hurley, para faze-los alcançar a redenção e aí poderem partir para o Céu, ou para a Luz.

Quando Desmond disse que queria partir, percebi que ele era um espirito que estava ajudando os amigos.
Mas achava que o final seria mais feliz, com os personagens vivos. Só me dei conta  que estavam mortos, quando todos, após se lembrarem da Ilha, se dirigiam feito zumbis para a Igreja ecumenica, com o simbolo de várias religiões.

Não significa que aquele reencontro tenha sido logo em seguida à morte de Jack. Acho que cada um foi morrendo conforme os anos, já que quando Jack morreu, Hurley, Ben, Rose e Bernard, talvez Desmond, e o pessoal do avião, continuaram vivos. O tempo em LOST não é sequencial, normal, então aquele final é algo que aconteceu muito tempo depois que o avião partiu da ilha.

Final de Lost

Ainda na visão espírita, Ana Lucia e alguns outros já falecidos, ainda não estavam preparados para partir e Ben, que tinha feito muita maldade em vida, também tinha coisas para resolver. Por isso que não entrou na igreja.

LOST reuniu a ficção científica com o espiritual. Na verdade, a ciência não exclui a religião e vice-versa. E esta série mostrou e contou um lado material: a aventura numa ilha, as viagens no tempo, o eletromagnetismo, a Dharma, e um lado espiritual: a busca pela felicidade, pela auto-estima, pela paz de espírito.

Embora torcesse para outro tipo de conclusão, gostei do fim.  Foi triste e bonito ao mesmo tempo, e foi uma opção (talvez a melhor) dos produtores entre os dois lados mostrados na historia. Vejo que a Ilha em LOST é mais uma dos personagens e que os produtores poderiam ter optado em acabar ali, centrado na Ilha, com Hurley e Ben guardiões, Rose e Bernard lá na casinha deles, e pronto. Talvez chegando mais homens maus atrás da Luz ou do eletromagnetismo e assim começando nova história.

Sim, poderia! Mas eles preferiram encerrar de vez a saga, deixando-a Cult, com a morte de todos os personagens. A Ilha no final não era mais o personagem principal, e sim as pessoas e seus sentimentos. Só assim eles encontrariam a Paz! Este fim é muito mais impactante, pois sabemos que deste modo não haverá continuação, pelo menos para aqueles personagens que torcemos e nos apegamos tanto durante estes 6 anos.

Beijos,
Mafalda





Busca

© 2007-2019 Monalisa de Pijamas - Todos os direitos reservados. Contato: mafalda [arroba] monalisadepijamas.com.br