Porque fazer humor e podcast é uma arte

































MonaPop: Mallu Magalhães


Autor: Eubalena ~ 17 de março de 2009. Categorias: Mona POP.

Mallu Magalhães dispensa apresentações. Está aí, fazendo sucesso desde o ano passado, mas eu só ouvia o nome e nunca fui atrás pra conhecer. Então no outro domingo (08.03) estava eu em casa com a TV ligada e eis que assisto parte da entrevista dela no Faustão.

Fiquei com raiva da menina, na hora. Ela não sabe falar! Mas aí lembrei que ela tem 16 anos. E que poucos com essa idade têm maturidade suficiente e habilidade para ordenar as ideias ao responder as perguntas absurdas do Faustão. A entrevista foi horrível. Fiquei com uma vergonha alheia imensa. Do entrevistador e da entrevistada.

Então fui pro youtube assistir outras de suas aparições. Nas primeiras entrevistas ela é, sem dúvida, uma criança. E deve ser vista como tal, como na sua primeira entrevista no programa Altas Horas ou na entrevista no programa do Jô. Mas nesses dois ela foi bem entrevistada, bem conduzida. Já no mesmo programa Altas Horas do final do ano passado, eu fiquei com dó. Esperaram demais dela. Pra começar, ela tinha que cantar “Fogo e Paixão”, do Wando. Legal, todos nós conhecemos a música. Só que, de novo: ela tem 16 anos!!! Então, ficou tentando improvisar com “ah”, e não ficou bom. Óbvio, ela não tem noção de improvisação vocal, ela não veio do jazz, onde isso é comum.

Depois disso, fui procurar conhecer mais a produção musical do “pequeno fenômeno”, como foi chamada pelo Jô Soares. Passei a semana ouvindo alguns sucessos (sim, porque com tantos acessos na internet, são sucessos) e confesso que me surpreendi. Alguém aí conhece algum adolescente de 15/16 anos como ela? Nem falo das suas aparições na mídia, que agora têm sido mais comentadas pela sua desenvoltura desastrosa, mas falo musicalmente mesmo. Ok, ela não é um gênio da música. Mas tem muita gente por aí fazendo sucesso por muito, muito menos. Gente, ela toca gaita de boca (não maravilhosamente bem, mas toca)!

As músicas são embaladinhas, gostosas de ouvir e cantar. J1 é uma música de passear no parque de mãos dadas. Fico só pensando que talvez ficassem melhores se cantadas por outra pessoa. Ou não. Mas explico:

A voz de Mallu Magalhães ainda não amadureceu, é infantil. É levinha, insegura. Desafina um pouco, sim. Canta de um jeito meio largadinho, quase sem articular as palavras. Mas a voz é bonita, isso não podemos negar. Se ela tem uma voz bonita, toca violão direitinho e compõe sucessos aos 16 anos, o que será dessa menina quando crescer? Talvez nada, talvez seja só uma empolgação passageira. Mas talvez seja uma grande compositora com uma grande voz. E quem sabe, com essas entrevistas horríveis ela também aprenda a se portar em público. Talvez daqui a uns 10 anos tenhamos uma cantora/compositora muito boa, como há tempo não vemos no Brasil. Se quiser saber mais sobre a garota, este é o seu FanSite.





Busca

© 2007-2021 Monalisa de Pijamas - Todos os direitos reservados. Contato: mafalda [arroba] monalisadepijamas.com.br