Porque fazer humor e podcast é uma arte

































Adultos infantilizados e crianças sem limites, uma salada jornalística


Autor: Mafalda ~ 17 de novembro de 2009. Categorias: Mona em Família.

Comecei a ler um texto da jornalista Eliane Brum na revista Época sobre “Adultos Infantilizados” clique aqui para ler o artigo - já pensando na descrição de toda a parafernália que existe hoje no mercado,  séries e produções na mídia, cinema e tv que estimula esta “infância adulta”, quando do meio para o fim do texto a jornalista começa a escrever sobre pais que não colocam limites nos seus filhos endiabrados, que a atormenta nos shoppings e restaurantes. Quê!?!? What?!? o-O

Concordo que há pais que não sabem educar e nem colocar limites em seus filhos. Tenho conhecidos assim, e acho o fim também. Este é um grande problema atual!!  Mas o que isso tem a ver com adultos infantilizados?? Acho que um tema não tem nada a ver com o outro.

Em geral, a idéia que temos de  adultos infantilizados é que são aqueles que não querem assumir compromisso, que não querem ter filhos. Pois logo que nasce o bebê, por mais infantil que você seja seu mundo muda! Por mais que você não queira. Não tem jeito: é como não querer a puberdade, o envelhecimento, é algo que muda na sua vida para sempre, e só quem tem filhos sabe.

Adultos que não querem perder a infância são aqueles que querem aproveitar a maturidade para curtir melhor aquilo que não curtiram na infância, ou seja: se divertir e não ter certas responsabilidades, às vezes nenhuma responsabilidade. Tanto que alguns não saem da casa dos pais. Seria a sindrome do Peter Pan, não acham? Peter Pan não quer crescer, quer só aventuras e se divertir nesta vida. E uma Wendy que faz tudo por ele, tenta muda-lo mas não consegue.

Não acredito em pais infantilizados, existem adultos infantilizados e pais permissivos, não presentes e  mesmo irresponsáveis. Acho que a jornalista fez uma salada, uma mistura de adjetivos que não combinam com o sujeito.

Não sei se ela tem filhos, mas já vi de pessoas que não tem filhos as comparações mais absurdas tanto para as crianças como para a maternidade e paternidade.

Se a criança faz o que dá na telha não é porque o adulto é “infantilizado”, o termo não cabe aqui.

Posso estar enganada. Você conhece algum pai ou mãe infantilizado?

Beijos,
Mafalda





Busca

© 2007-2020 Monalisa de Pijamas - Todos os direitos reservados. Contato: mafalda [arroba] monalisadepijamas.com.br