Porque fazer humor e podcast é uma arte
































Vergonha Alheia – Flash Mob no Bauru Shopping



Por Mafalda - 7 de novembro de 2012. Categorias: Vergonha Alheia.

Olá caros supimpas prafrentexes e inovadores, tudo bem?

Vivo numa cidade que compete fortemente com o resto do universo para ser a campeã suprema da vergonha alheia.
Por ser uma fonte inesgotável de gente que adora exibir a própria falta de noção, desta vez uma escola de dança daqui resolveu acordar depois de 10 anos, e acharam que Flash Mob é uma coisa criativa e nova para se exibir e ganhar confetes enquanto dão uma zoada no shopping como o resto dos manos e emos que vivem lá.

Além da vergonha alheia múltipla, gostaria que prestassem atenção aos 1:42, nas moças que sobem na mesa e jogam boné, terra e cocô de vaca do sapato na comida dos outros, e especialmente no cidadão rastafari-samambaio do lado direito, que tenta ser mais criativo e confeteiro que seus colegas, e resolve subir na mesa, e acaba completando a vandalizada básica que não podia faltar. Depois ele ficou agachadinho o resto da dança, talvez pela dor lancinante da quina da mesa virando na canela, ou por pressentir que vai dançar pagando o conserto das mesas:


André Ruz

http://FornalhaSolar.wordpress.com


Veja também:

14 Comentários to Vergonha Alheia – Flash Mob no Bauru Shopping

  1. Fabiana

    É cada uma que o povo copia, aff. kakkakakakakakakakaka

    [Responder]

  2. Edmilson

    Até os 30 segundos não tem problema, o problema é oque vem depois.

    [Responder]

  3. Verrocchio

    Ah, por favor. Quanto ódio. Eles só estão tendo um bom momento e se divertindo. Parem de ser velhos rabugentos de 80 anos.

    [Responder]

    Edmilson Resposta:

    @Verrocchio, Sim claro, nada como se divertir interrompendo a refeição alheia, sujando e depredando o lugar.

    [Responder]

  4. rodrigo

    Muito bom, hduashdusa gostei. nao eh vergonha alheia! kkk

    [Responder]

  5. Euba

    Meu sonho! Quando eu fizer 15 anos, não quero valsa, quero um Flash Mob!

    [Responder]

    Mafalda Resposta:

    Você não fez um na feira dos queijos e vinhos? Não era o Dirty Dancing? :D

    [Responder]

    Euba Resposta:

    @Mafalda, não, não, nao…não inverta as coisas. Não foi um flash mob, foi uma apresentação, dentro de um jantar – não era feira – sem ninguém sair do nada e começar a dançar, foi apresentado, tudo direitinho.

    [Responder]

  6. Claudinei

    Gostei do cartaz: “Leve 3 Pague 2″

    [Responder]

  7. Hélido

    Tirando o cidadão que bateu a canela na mesa,achei o video muito legal,sinceramente não vejo nada para se envergonhar ali.Acho que as pessoas que estavam ali dançando tiveram momentos muito bons,curtiram sem fazer nenhum mal nem atrapalhar a vida de ninguem,então o que há para se envergonhar?Na verdade eu fiquei surpreso em ver um shopping tão animado,eu realmente adoraria que na minha cidade fosse assim também.Eu sou de Resende-RJ,uma cidade totalmente parada em que as pessoas praticamente não saem de casa porque não tem nenhum lugar para dançar e se divertir.Uma cidade atrasada e de pessoas de mentalidade atrasada e fútil, verdadeiros caipiras se achando moderninhos ou muito inteligentes.Então se vc acha vergonhoso isso na sua cidade,venha conhecer Resende,a cidade dos mortos-vivos.

    [Responder]

    Edmilson Resposta:

    @Hélido, Acho que o problema a que ela se refere, e que eu concordo, não são as pessoas dançando lá no chão e sim as que subiram nas mesas. Se sentir parte de algo, agrupar, dançar, apoio todas essas coisas, subir na mesa em que pessoas estão COMENDO, atrapalhar sua refeição com os pés, e o que o que destruiu a mesa nem necessita de comentários. Aposta oque que ele não irá ir lá se responsabilizar pelo dano e pagar o reparo? Ai está o problema. Em resumo o problema se resumiu a duas pessoas fazendo oque não deviam.

    [Responder]

    Mafalda Resposta:

    Edmilson, e Hélido:

    “Ela se refere” não… e sim “ele” . É o André Ruz quem escolhe os vídeos e escreve O Vergonha Alheia. E assina no final. :D

    Eu gosto de Flash Mob, acho muito legal, gosto de gente dançando.

    O André Ruz não está se referindo ao Flash Mob em si. E sim sobre subir nas mesas de refeição e outros detalhes que ele citou acima.

    Abs,
    Mafalda

    [Responder]

    Edmilson Resposta:

    @Mafalda, Desculpe, realmente é ele, sofro de algo parecido no meiobit que sismo que O Dori é ela, afinal a criatura tem nome de desenho, ha ha ha, e aqui respondi ele pensando na Euba e seu aniversário. Desculpai André!

  8. Mari

    Eu gostei!!! Tirando a parte que eles sobem na mesa. Que nojo!

    [Responder]

Deixe seu comentário:





Busca

© 2007-2016 Monalisa de Pijamas - Todos os direitos reservados. Contato: mafalda [arroba] monalisadepijamas.com.br